Quem sou eu

Minha foto
Artista visual, arteira desde sempre. Amo moda, fotografia, desenho, teatro, dança. E mais tantas outras coisas, mas...Acima de tudo, amo a liberdade de ser eu mesma!!!!!

Oi, meu nome é Daniela Karg, bem vindos ao meu blog!

Reunindo minhas linguagens, que transitam pela moda, maquiagem, teatro, fotografia, dança e artes visuais, criei a Alma de Boneca!

Confecciono bonecas, acessórios e fantasias exclusivas, combinando minhas técnicas e elementos vindos de histórias (contadas por quem as encomenda e minha imaginação).

Conheça meu trabalho e fique à vontade, entre contos, sonhos e poesias que costuro em minha ALMA!

APRECIADORES

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Dance, dance, dance!!!!

Ontem, 29/04, foi comemorado o dia internacional da dança.
Assistindo uma entrevista com Ana Botafogo, que por trinta anos permanece como a primeira bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, fiz uma pequena viagem na memória, e reencontrei momentos em que      muitas vezes as imagens simbolizaram mais do que a fala.
A caixa de música presente da minha avó, até hoje toca se eu fechar os olhos, assim como certas projeções de dança que foram meu primeiro contato com o que posso chamar de belo.
E não pude deixar de pensar como a dança é essencial na minha vida, sempre presente, de uma forma muito  particular. Acredito que muitas pessoas também vivam momentos de dança dessa maneira digamos, intensa! Lembro de uma amiga musicista, que sempre me dizia que não imaginava nenhum momento de sua vida sem uma trilha sonora. Também partilho desse sentimento, e quando meu corpo não pode se mover, por motivos que eu ainda preciso trabalhar (e muito), imediatamente minha mente dança, a ponto de criar movimentos em espaços públicos diversos... Pode parecer maluquice, o que não era de forma alguma, enquanto eu era criança!
Uma fila de espera no saguão de um hospital, o pátio da escola, a sala da minha avó, o bainheiro da minha tia, a cama da minha mãe, a grande cozinha de uma antiga casa, diante de espelhos... Qualquer momento era propício para viver música e movimento. Do clássico ao popular, lá estava eu, capaz de ser e realizar qualquer desejo, acho que é esse o sentimento que o movimento me dá.
A dança tem a intensidade do estar e ser presente.
Preciso muito voltar a ser criança, dançar não apenas em espaços e momentos socialmente aceitos, e me entregar mais a essa expressão da minha mente através do corpo, que é parte essencial dos meus momentos de criação. Se a mente não dança, o corpo pára!
Admiro muito todos aqueles que vivenciam a dança como trabalho, estudo e meio de transporte do coração.
Então, a todos aqueles que assim como eu, se entregam de corpo e alma em tudo que fazem: no trabalho, nas amizades, nas relações de troca, mesmo que muitas vezes sejamos incompreendidos por amar sem medidas e confiar além das palavras...Fica o meu desejo: Dance, dance, dance!!!!!!!!!!!
Mesmo que mentalmente, em sonhos ou acordado, nunca deixe de dançar!

Projeto de fotografia e dança que eu acompanho: http://ballerinaproject.tumblr.com/
Eis alguns vídeos de amolecer o coração! Quem sabe, em outra oportunidade, faço uma lista de samba, pop, hip hop e tantos outros ritmos que também me embalam!




Abraços, até o próximo post!


Nenhum comentário:

Postar um comentário